Inscreva-se

domingo, 8 de novembro de 2015

Pílula anticoncepcional x dor de cabeça: qual a relação?

Dor de cabeça latejante, aversão à luz e ao barulho, náuseas e vômitos são sintomas da enxaqueca, problema que é mais comum nas mulheres que nos homens. Causas da enxaqueca Segundo o ginecologista e obstetra Domingos Mantelli, isso acontece devido à variação rápida do hormônio estrogênio no sangue. Essa oscilação hormonal é ainda mais comum durante o período menstrual. "Na maioria dos casos o quadro de enxaqueca piora no período próximo ou durante a menstruação", afirma. Dor de cabeça na menstruação Ele diz ainda que a dor de cabeça ao menstruar pode estar relacionada ao uso de anticoncepcionais. “Na semana de pausa do contraceptivo os sintomas costumam piorar por conta da diminuição do nível sanguíneo de estrogênio estimulada pela interrupção do medicamento”, explica. Cura da enxaqueca Nesses casos, trocar o anticoncepcional pode ser a solução para o problema. "O ideal é que a mulher interrompa a ingestão da pílula para averiguar se as dores de cabeça derivam-se do medicamento, já que todas as pílulas anticoncepcionais combinadas possuem estrogênio", diz.
Trocar a pílula pode ser a solução para acabar com a enxaqueca Tudo isso, é claro, deve ser feito com a supervisão de um médico ginecologista, que irá avaliar qual o método mais indicado para cada mulher. "A indicação é utilizar anticoncepcionais sem estrogênio ou em pouca quantidade desse hormônio e só com progesterona em sua composição”, finaliza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário