Inscreva-se

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Boas Atitudes no dia a dia

Não corra, não morra Será mesmo que as pessoas precisam correr tanto nas estradas. Eu já fiz alguns testes. Nós ganhamos alguns segundos correndo de uma esquina pra outra. Mas esses segundos ganhos podem nos fazer perder algo muito importante. Nossa vida. Valorize as pessoas Existem algumas coisas que você deve fazer na vida. Uma delas: Deixe que as pessoas que você ama saibam o quanto são especiais para você Invista sua energia em uma causa nobre O ser humano ainda desperdiça muita energia em brigas, discussões ou impasses bobos. Algumas pessoas fazem isso exatamente por terem muita energia e não saberem onde focar. Se você é assim experimente focar essa força toda em causas mais nobres. Descubra um interesse e lute por uma causa que vá ajudar alguém. Pra isso sim, ajudar, vale colocar sua garra Intenção não é ação Como dizem, o mundo está cheio de boas intenções. Vemos o tempo todo as pessoas falando em fazer o bem. Nossa sugestão é direta, pare de falar e comece a fazer algo por alguém no seu dia a dia. De nada adianta se dizer do bem se na prática, com as pessoas ao nosso lado, fazemos diferente. Cuide da saúde, pelos que você ama Cuide da sua saúde. Não só por você, o que já é ótimo, mas também pelas pessoas que você ama. Com saúde você pode cuidar dos seus filhos, dos seus pais e aproveitar cada momento com todos que você quer bem. Cuide de você pra só então poder cuidar dos outros. Dê valor a família Muitas vezes somos pacientes e estamos sempre dispostos com os colegas de trabalho, amigos e namoradas(os). Isso é ótimo, mas nunca temos paciência de ouvir por exemplo como foi o dia dos familiares que moram conosco. Estamos sempre ocupados vendo televisão ou cansados demais, querendo dormir; e sem perceber, magoamos esses entes queridos. Dedique um tempo do seu dia para ouvir e conversar com seus familiares, sejam eles seus pais, irmãos, filhos ou esposa(o). Deixe-os saber que eles são importantes para você e que você se importa com eles. Guardar rancor é beber veneno... Essa lição só é possível aprender com o tempo, com a maturidade e com experiências que temos com algumas pessoas. Mas com certeza, seja qual a contrariedade que lhe fizeram o rancor só faz mal a nós mesmos. (Guardar rancor é tomar veneno e querer que a outra pessoa morra).

Nenhum comentário:

Postar um comentário