quarta-feira, 24 de setembro de 2014

A vitalidade dos alimentos

Conceição Trucom * Aqui, o objetivo é que você compreenda, didaticamente, como classificar os alimentos pela sua força vital, simplificando os critérios de escolha e seleção. Nada de tabelas: só a compreensão. No livro "Você sabe se desintoxicar" (Dr. Soleil - Ed. Paulus), os alimentos estão classificados em quatro categorias, de acordo com o seu grau de VITALIDADE ou força alquímica. Este conceito foi criado pelo Dr. Edmond Bordeaux-Szekely e pode ser de grande ajuda para nos orientar nas escolhas alimentares, sem precisar fazer uso de tabelas ou memorizações. Alimentos BIOGÊNICOS: geram e expandem a vida Potencial nutricional: qualitativo, elevado e rápido. Potencial energético: infinito, pois ainda não é possível ser mensurado. São as sementes germinadas e os brotos produzidos a partir dos cereais (grãos), das frutas oleaginosas (linhaça, girassol, gergelim etc.), das leguminosas (feijões), das ervas e das hortaliças. Idealmente, focando o aspecto da elevada qualidade energética e nutricional, deveriam ser a base da alimentação saudável. Ou seja, todos os dias consumir, ainda que em pequena quantidade, variedades de germinados e/ou brotos. Sê-Mentes são alimentos do reino vegetal cuja composição nutricional guarda enorme semelhança com a celular do cérebro humano, parte física das nossas Mentes (Lógica e Espontânea), além de muitos sais minerais. • Sê-Mentes: 30 a 40% proteínas + 30 a 60% gorduras nutricionais • Células cerebrais e nervosas: lipoproteínas (lipo significa gordura) Biológica e energeticamente, o desejo de toda Sê-Mente é um dia germinar e virar uma planta, continuação da sua espécie, do seu propósito alquímico na Terra. Até que elas encontrem as condições ideais para que tal aconteça (umidade, calor e pouca luz), ela se preserva, com suas cascas (fibras duras e ásperas) e substâncias anti-nutricionais (ácido fítico, inibidores de tripsina etc.) para que fungos, carunchos e humanos a não a consumam. Guardam ainda, no seu pequeníssimo espaço (um verdadeiro chip) riqueza de antioxidantes, vitaminas, sais minerais, enzimas (aminoácidos), hormônios vegetais, estimulantes biológicos etc., todos fundamentais e prontos para explodirem funcionalmente no momento da germinação. Energeticamente representam um pequeno Ser com todo o seu Viço e material genético para expandir, crescer e frutificar: gerar vida! Ao ingerirmos o alimento germinado, broto – cru e vivo – é exatamente este conjunto de informação e comando que ocorre em nossas células: explosão de vitalidade e regeneração. Vida viva! Alimentos BIOATIVOS: ativam a vida Potencial nutricional: quantitativo, elevado e rápido. Potencial energético: infinito, pois ainda não é possível ser mensurado. São as frutas, legumes, ervas e hortaliças, leguminosas, sementes oleaginosas e cereais integrais maduros (crus, mas não germinados). Ricos em macronutrientes e substâncias biologicamente ativas como as enzimas, vitaminas, antioxidantes e sais minerais, oferecem aos que os consomem a informação: manter a vida ativa, mineralizada, vitalizada, viva! Do ponto de vista quantitativo, devem ser considerados como a base da alimentação humana. Por este motivo, é importante que façam parte do consumo diário, em quantidades significativas e adequadas a cada idade, sexo e tipo de atividade. Pesquisas apontam que o ideal seria o consumo de mínimo 50% destes alimentos enquanto frescos e crus. Não valem alimentos por demais maduros pois neste caso o comando enzimático é acidificar para degradar, desintegrar e adubar a terra. Crus e frescos, vivos têm a capacidade de transferir as boas energias da Terra, do Sol e de Deus para o corpo e a alma. Para estarem vitalmente ativos devem ser consumidos frescos, no ponto certo da maturidade, sem agrotóxicos e crus. No caso das leguminosas (feijões), após 48 horas de molho, ou seja, em processo de germinação. Os alimentos bioativos apresentam extraordinárias propriedades depurativas. Sua riqueza em fibras e água estruturada; assegura uma verdadeira faxina no tubo digestivo, levando embora, junto com as fezes e demais excretos, uma grande quantidade de toxinas, resíduos, mucos e venenos. Sua riqueza em sais minerais oferece a possibilidade, desde que consumidos diariamente, crus e vivos, de manter o organismo alcalinizado e mineralizado, portanto com seu metabolismo eletroquímico realizando comunicação precisa e eficiente entre todas as células, órgãos e sistemas, entre eles o cardiológico e cerebral. Juntamente com os germinados, os bioativos são os alimentos mais ricos em substâncias biologicamente ativas, hoje famosos com a classificação de nutracêuticos: alimentos que nutrem e curam. Ingeridos crus e frescos, idealmente de cultura orgânica, fornecem ao organismo o alimento mais adequado à saúde humana. Os alimentos que geram a vida (os biogênicos) e os alimentos que ativam a vida (os bioativos) são considerados alimentos vivos; sagrados. Ofertam seu Viço – nutricional e energético - para assegurar a vida e o bem-estar do ser humano. Seu consumo diário – mínimo 50% - resulta inevitavelmente, em desintoxicação (purificação), vitalidade e saúde plena, em qualquer idade ou momento evolutivo. Por que frescos e crus? Porque as enzimas e algumas vitaminas, que são termo degradáveis, estarão vivas e ativas. Uma vez cozidos, grande parte das suas funções biológicas morrem ou perdem poder.

GERMINANDO SEMENTES E GRÃOS

GERMINANDO SEMENTES E GRÃOS - preparo em geral Coloque de uma a três colheres (sopa) da semente ou grão escolhido num vidro e cubra com água filtrada. Deixe de molho por 8 a 12 horas – varia para cada semente. Amêndoa, por exemplo, germina na água por 24-48 horas. Ver abaixo. Cubra a boca do vidro com um pedaço de filó e prenda com um elástico. Despeje a água em que ficaram de molho e enxágue bem as sementes sob a torneira. Depois da fase de molho, vem a fase da aeração. Então, coloque o vidro inclinado (45 graus) e emborcado num escorredor, num lugar sombreado e fresco. Outra opção, mais prática, é colocar as sementes "acordadas" sobre uma peneira. Enxágue pela manhã e à noite. Em dias quentes é preciso lavar 3 ou mais vezes. O tempo de germinação varia de acordo com a semente, temperatura local, etc. Em geral, estão com sua potência máxima logo que sinalizam, ou seja, quando põem a "cabecinha branca" para fora, o chamado narizinho. Então estão prontos para serem consumidos. O ponto limite para consumo é até que o gérmen atinja o tamanho da semente. Depois disso ela deverá ser brotada, plantada ou jogada fora. Trigo: coloque as sementes de molho em água filtrada por 8-12 horas. Na sequência elas deverão ficar aerando como na operação 6. Em 16 a 24 horas estarão germinadas e prontas para consumo. Alpiste e painço: coloque as sementes de molho em água filtrada por 8-12 horas. Na sequência elas deverão ficar aerando como na operação 6. Em 12 a 24 horas horas estarão prontas para o preparo do leite. Girassol: pode ser com casca ou sem casca. Coloque as sementes de molho em água filtrada por 8 horas. O girassol sem casca ficará pronto com somente estas 8 horas de hidratação. Já o girassol com casca deverá ficar aerando como na operação 6. Em 1-2 dias estarão germinadas e prontas para consumo. Linhaça: germina na água. Coloque as sementes de molho em água filtrada por 8 horas (ideal durante a noite). Use 1 parte de semente para 5 partes de água. Estas sementes não precisam aerar. É opcional dar uma lavada rapidíssima numa peneira sob a torneira antes do seu consumo. A mucilagem (uma gosminha) formada pela semente da linhaça deverá ser preservada, pois ela é terapêutica. Estará pronta para fazer leite, pasta ou usar em receitas de sucos desintoxicantes. Gergelim: é uma fonte maravilhosa de cálcio e fósforo. Coloque as sementes de molho em água por 8 horas. Coe numa peneira e deixe as sementes por máximo 1 hora aerando. Mais que isso irá ficar amargo. Prepare então o leite batendo no liquidificador com o dobro de água filtrada ou de coco. Tome imediatamente para evitar o sabor amargo. Nozes brasileiras (pecã e macadâmia): germina na água. Coloque as sementes de molho em água filtrada por 48 horas, trocando a água 2 vezes/dia. Assim, estarão prontas para consumo, pois as castanhas não necessitam aeração. Prepare então o leite, pasta ou use em receitas de sucos verdes e desintoxicantes. Noz portuguesa: germina na água. Coloque as sementes de molho em água filtrada por 8 horas. Assim, estarão prontas para consumo, pois elas não necessitam aeração. Prepare então o leite ou pastas doces ou salgadas. Amêndoa e Avelã: germina na água. Coloque as sementes de molho em água filtrada por 48 horas. Troque a água 2 vezes/dia. Estas sementes não necessitam aeração. Estará pronta para fazer leite, pasta ou usar em receitas de sucos verdes e desintoxicantes. Castanhas do pará e de caju: acordam na água. Coloque as sementes de molho em água filtrada por 4 horas. Por terem passado por cozimento ao serem descascadas, estas sementes não germinam, somente acordam. Assim, estarão prontas para consumo, porém mais digestas e menos calóricas. Prepare então o leite ou pastas doces ou salgadas.

Diabetes e Cândida x Açúcar

Primeiro vou começar falando sobre a diabetes. Ela não é um problema do açúcar. Ela é um problema do excesso de gordura que consumimos. Isso mesmo. A gordura (ainda mais quando é ingerido o óleo isolado) em excesso tem um poder de bloquear a entrada do açúcar para nossas células. E se você não sabe, tudo que consumimos tem que ser transformado em açúcar para ser absorvido pelas nossas células, pois açúcar é o alimento primordial delas. E quando ele não consegue ser absorvido, pronto! o pâncreas é acionado fortemente para que mande insulina para abrir essa portinha e o açúcar conseguir entrar nas células. É sempre um esforço para o corpo ter que lidar com essa situação, e uma hora ou outra ele pode virar uma doença...o DIABETES, por exemplo. Já no caso da Candida, é quase o mesmo cenário, só que o excesso de gordura contribui para o crescimento da candida (em um trabalho incrível que o organismo faz) para consumir todo o açúcar em excesso na corrente sanguínea que, novamente, não consegue ser absorvido pelas células por causa (antes) do excesso de gordura.Já no caso da Candida, é quase o mesmo cenário, só que o excesso de gordura contribui para o crescimento da candida (em um trabalho incrível que o organismo faz) para consumir todo o açúcar em excesso na corrente sanguínea que, novamente, não consegue ser absorvido pelas células por causa (antes) do excesso de gordura.- Coma mais em casa!!! Desta forma você terá a certeza que não colocará um pingo de óleo no seu prato, e conseguirá mais saúde a curto e a longo prazo! Essas são algumas dicas básicas para você implementar no seu dia a dia, e diminuir o consumo de óleos refinados e isolados na sua dieta. Pode ter certeza que quanto mais diminuir, mais você sentirá como é pesado comer uma refeição besuntada de óleo (por mais "puro" que ele seja!!). A leveza dos alimentos integrais é totalmente benéfica para nós, pois além de tudo nos ajuda a ter mais equilíbrio e não comer tanto devido as fibras que eles possuem. Diga mais não aos alimentos refinados e super concentrados! Foque nas frutas maduras e vegetais frescos! ;)

sábado, 13 de setembro de 2014

Gente olha esta matéria!!!!Contaminação oculta nas esteiras dos supermercados

Alguém aqui já parou para pensar em como as esteiras dos caixas dos supermercados podem ser grandes veículos de contaminações? Aquele resíduo de gelo e suco da carne que fica empoçado, frutas que entram em contato direto, embalagens de iogurtes que às vezes estão vazando… tudo isso contribui para que as esteiras possam apresentar perigos aos alimentos e riscos aos seus consumidores. Elas vão circulando, ano após ano, e podem até aparentar que estão limpas (afinal de contas, o funcionário passa aquele paninho), mas as bactérias estão lá, prontas para atacar! O grande problema das esteiras é que elas são feitas de PVC, um material bastante durável, mas que atua como se fosse uma placa de Petri para o desenvolvimento dos microrganismos. Além disso, costumam ser porosos ou rugosos, o que dificulta bastante a higienização. Um estudo da Universidade do Michigan, nos Estados Unidos, encontrou microrganismos em 100% das esteiras avaliadas, entre coliformes, Staphylococcus aureus, bolores e leveduras. Uma possível solução para o problema seria a instalação de coberturas antimicrobianas sobre as esteiras, que eliminam as bactérias antes que elas possam se multiplicar. E essas proteções possuem superfície não porosa, sendo de fácil limpeza. É fundamental que os supermercados e demais pontos de venda zelem pela limpeza e organização, até mesmo como forma de atrair maior clientela e manter a fidelidade e satisfação dos atuais clientes. Será que aqui no Brasil os proprietários destes estabelecimentos pensam nisso? Será que estão preocupados efetivamente em evitar as contaminações? Fonte: http://www.foodsafetynews.com/2014/08/hidden-contamination-at-checkout-grocery-conveyor-belts/#.U_eNS_ldWSo Imagem: http://sindoscom.com.br/

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

A saúde dos cabelos! Fascinelle uma linha Italiana de Produtos profissionais,vamos conhecer hoje a hidratação de Impacto

É um tratamento que pode ser feito uma vez por semana.Hidrata, restaura sela as pontas duplas e devolve o brilho natural do cabelo. É feita com os seguintes produtos: Shampoo Nutrição Intensiva Fascinelle Esse shampoo tem o principio ativo "Complexo Micro Nutriceramidas" além de lipídios de vitamina B5 que nutre as cutículas e Azeite Meditrrâneo (maciez, proteção e nutrição imediata). Seus ativos atuam profundamente deixando os cabelos mais resistentes, macios e encorpados. Cristais de luz - Unificador de pontas Fascinelle Proporciona brilho intenso, reconstrói a textura e protege os fios. Sérum de Impacto Fascinelle ( sem dúvida , um milagre no potinho ) Também atua com o Complexo de Nutriceramida , age profundamente reconstruindo as fibras danificadas. Spray de Volume e Nutrição Fascinelle Une e protege as escamas evitando a perda de nutrientes Modo de uso:Aplicar o produto sobre os cabelos umedecidos e limpos,massageando as mechas da raiz às pontas,até a completa absorção do produto.Secar normalmente.Tratamento intenso:uma ampola por semana..Manutenção:uma ampola a cada duas semanas por dois meses. 1º Passo: Lavar as cabelo com o Shampoo , duas aplicações para garantir que fiquem bem limpos.
2º Passo: Retirar o excesso de água , aplicar uma ampola do Sérum de Impacto mecha por mecha. Não enxaguar.
3ºPasso: Aplicar 5 ou 6 jatos do Spray de Volume. Secar e modelar o cabelo com o uso do secador.
4ºPasso: Aplicar 1 jato do Unificador de pontas na palma das mãos e espalhar por todo o cabelo.
O resultado é surpreendente Vovê encontra toda linha facinelle na HINODE cosméticos faça agora o seu pedido em minha loja virtual ou agende uma visita,Hinode é consumo inteligente e qualidade de vida Ligue para 22- 92287414 ou 103*210262 ou 22- 99040699 loja virtual de Carlinha Sant'ana WWW.HINODEONLINE.NET/90142 Aceitamos todos os cartões e entregamos em todo território nacional Para Cabo Frio e região entregamos em mãos

Quais são as cores para a primavera 2014???

O amarelo, freesia, é outra das cores que estará presente nesta primavera 2014. Nem todas se atrevem a sair à rua vestidas de amarelo, mas a primavera é uma boa oportunidade para apostar nesta cor que marcará a tendência e experimentar um tom que a faça parecer diferente e bonita.
Continuar lendo: http://beleza.umcomo.com.br/articulo/quais-sao-as-cores-para-a-primavera-2014-770.html#ixzz3D0gzeLCWO placid blue, um azul claro mas ao mesmo tempo luminoso, é outra das cores de destaque desta temporada. É a cor ideal para combinar com o dazzling blue para criar um contraste ou também para usar como cor única. Continuar lendo: http://beleza.umcomo.com.br/articulo/quais-sao-as-cores-para-a-primavera-2014-770.html#ixzz3D0nrPfVP

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Osteoartrite Interapofisaria você sabe o que ???

A osteoartrite (OA), artrose, artrite degenerativa ou ainda doença degenerativa das articulações é uma doença crônica das articulações caracterizada pela degeneração da cartilagem e dos ossos próximos, que pode causar dor, rigidez e redução da funcionalidade das articulações afetadas. São mais comum nas mãos, punho, ombros, cotovelos, joelho e pés. A artrose é uma das perturbações articulares mais frequentes no mundo e aflige especialmente trabalhadores braçais, diabéticos, obesos e pessoas com mais de 40 anos. É um pouco mais frequente em mulheres.
Sinais e sintomas[editar | editar código-fonte] Ao chegar aos 40 anos de idade, muitas pessoas manifestam sinais de artrose nas radiografias, especialmente nas articulações que sustentam mais peso (como o quadril), mas relativamente poucas apresentam sintomas. A idade dos primeiros sintomas e articulações atingidas tem um significativo fator genético.2 Em geral, os sintomas desenvolvem-se gradualmente e afetam inicialmente uma ou várias articulações (as dos dedos, a base dos polegares, o pescoço, a zona lombar, o dedo grande do pé (hálux), o quadril e os joelhos). A dor é o primeiro sintoma, que aumenta em geral com a prática de exercício. Em alguns casos, a articulação pode ficar rígida depois de repouso prolongado; contudo, a rigidez costuma desaparecer 30 minutos depois de se iniciar o movimento da articulação. A articulação pode perder a mobilidade e inclusive ficar completamente rígida numa posição incorreta à medida que piora a lesão provocada pela artrose. O novo crescimento da cartilagem, do osso e outros tecidos pode aumentar o tamanho das articulações. A cartilagem áspera faz com que as articulações ranjam ou crepitem ao mover-se. As protuberâncias ósseas desenvolvem-se com frequência nas articulações das pontas dos dedos (nódulos de Heberden). Em algumas articulações (como o joelho) os ligamentos que rodeiam e sustentam a articulação distendem-se de tal maneira que esta se torna instável. Tocar ou mover a articulação pode ser muito doloroso. Em contraste, o quadril se torna rígido, perde o seu raio de ação e provoca dor ao mover-se. A artrose afeta com frequência a coluna vertebral. A dor de costas é o sintoma mais frequente. As articulações lesadas da coluna costumam causar apenas dores leves e rigidez. Contudo, se o crescimento ósseo comprime os nervos, a artrose do pescoço ou da zona lombar pode causar entorpecimento, sensações estranhas, dor e fraqueza num braço ou numa perna. Em raras ocasiões, a compressão dos vasos sanguíneos que chegam à parte posterior do cérebro. Origina-se então problemas de visão, sensação de enjoo (vertigem), náuseas e vômitos. Por vezes o crescimento do osso comprime o esôfago, dificultando a deglutição. A artrose segue um desenvolvimento lento na maioria dos casos depois do aparecimento dos sintomas. Muitas pessoas apresentam alguma forma de incapacidade, mas, em certas ocasiões, a degeneração articular detém-se.
Ela acomete mais a região cervical e lombar, causando dores na região que pode se irradiar para outros pontos, como rigidez no pescoço, fazendo com que a pessoa tenha dificuldade na sua movimentação. Assim, com o seu desgaste há a exposição do osso subcondral fazendo com que haja assim um grande estresse podendo causar esclerose e hipertrofia óssea. Seu tratamento inclui fisioterapia, hidroterapia. As formas de prevenção incluem ter uma alimentação balanceada, exercícios físicos leves e regulares. Contudo, o diagnóstico deve ser feito por um médico especializado, juntamente com auxilio de exames que comprovem o diagnóstico e assim como seu tratamento também deve ser feito por um profissional formado e especializado.