sexta-feira, 31 de maio de 2013

Achei que essa é uma maneira legal bonitinha de fazer você pensar e refletir!!!







Dormir com o cabelo molhado adoece?




Neste frio tomar banho à noite é uma delícia! Para muita gente, lavar os cabelos é uma consequencia... Mas sejam eles longos ou curtos muitas vezes não dá para secar. Algumas pessoas dormem com o cabelo molhado e garantem que não acontece absolutamente nada. Já outras amanhecem com dor de garganta ou dor no corpo, espirrando ou tossindo ou com tudo isso junto.

Fica a briga: mito ou verdade? Entenda: a nossa cabeça é muito vascularizada, temos muitos vasos sanguíneos nesta região. (Quem já fez um corte pequeno na testa por exemplo, já viu que sai muito sangue...)

Quando lavamos o cabelo e em seguida deitamos o travesseiro fica úmido e os cabelos levam mais tempo para secar. Como a região da cabeça fica mais fria o sangue que passa por ali “esfria”. Além disso, o pescoço também fica mais frio e isto diminui a defesa da garganta dando oportunidade para que vírus ou bactérias se multipliquem e causem os sintomas da gripe.


Nem todo mundo é igual: umas pessoas tem este mecanismo mais sensível do que outras. Por isso é que umas podem dormir com a cabeça molhada e acordar bem e outras ( como eu) adoecem!! Descubra quem é você e respeite os limites do seu corpo. Neste caso, todo mundo tem razão

Afitas, o que fazer ????

 aftas, o que fazer?

As aftas incomodam desde o tempo dos gregos... A origem da palavra quer dizer "eu ardo, eu incendeio!!". Em menor escala, o estrago é tão grande quanto um vulcão em erupção dentro da boca... As causas da afta estão ligadas a baixa imunidade, fatores genéticos, TPM, estresse, falta de alguns nutrientes (problemas desde a época dos gregos) e ao uso de aparelhos odontológicos (uma causa bem mais atual.... risosss)

É normal ter até três aftas por ano. Oito aftas por ano é mais ou menos normal. Ter afta sempre é um sinal de alerta, neste caso procure um médico. A afta dura de dez a quatorze dias e aí passa. Alguns remédios indicados por médicos ou farmacêuticos podem aliviar o incômodo, mas depois que ela aparece não tem nada que a faça sumir milagrosamente.

Se você gosta de alimentos ácidos e tem uma tendência a ter afta logo depois, uma dica é depois de comer por exemplo uma fatia de abacaxi, faça um bocheco com água, bem de leve. Isto tira a acidez que ficou na boca e evita o surgimento da afta. É isto!

 Bicarbonato de sódio e sal são eficientes contra afta?

Nunca, NUNCA coloque sal diretamente na afta. Isto desidrata a mucosa da boca e só piora a situação. Bicarbonato de sódio também nunca deve ser colocado também em cima da afta. Mas tem uma receita caseira que pode ser útil em relação ao bicarbonato.

É assim: pegue um copo de água e coloque uma colher de chá de bicarbonato de sódio. Misture bem. Depois faça um bochecho e cuspa. Isto serve para quando você já estiver com a afta, não é uma receita para evitar a ferida. Infelizmente o bocheco com o bicarbonato não faz a a afta desaparecer, mas alivia. Boa sorte!

Depilação deixa a pele escura ???

depilação pode deixar a pele escura e encravar os pelos?

Sim. A depilação pode ter estes dois efeitos indesejados.

Por isso é importante entender qual é o melhor método a ser utilizado na depilação e quais os principais efeito s colaterais de cada um deles.

1. Lâmina de barbear: é o método mais divulgado, prático, barato e não dói. Corta os pelos, mas não arranca a raiz. Por isso dura apenas 2 ou 3 dias. Depois, o pelo cresce rápido e com força, fica mais “duro” e forte. Cuidados: não compartilhe a lâmina com ninguém pois pode haver transmissão de doenças e cuidado no manuseio para não cortar a pele.

2. Cremes depilatórios: são quimicamente preparados para quebrar a estrutura de proteína dos pelos. Não eliminam a raiz e, por isso, os pelos crescem rapidamente. Podem provocar reações alérgicas em pessoas com sensibilidade. Não é um método doloroso.

3. Cera: elimina os pelos pela raiz e por isso dura em média 30 dias. Depois os pelos voltam a crescer, mas ficam enfraquecidos. Pode ser feita com cera quente ou fria. A quente dói menos, pois dilata a pele antes e o pelo e a sua raiz saem mais facilmente. Pessoas com pele muito sensível devem ter cautela. A utilização muito frequente da depilação com cera retira a camada de proteção natural da pele, deixando-a mais exposta a sangramentos na parte mais interna da pele, irritação ou inflamações. Isto pode fazer com que o pelo não encontre seu caminho de saída quando for crescer novamente, levando ao conhecido e desagradável “pelo encravado”. Além disso, podem aparecer manchas escuras, decorrentes de micro queimaduras na pele, se a cera estiver muito quente ou então, por causa de micro hematomas provocados pela ação de arrancar o pelo.

4. Laser: é feito com um aparelho que emite raios laser em altíssimas temperaturas. O objetivo é queimar a raiz do pelo para que ele não cresça mais. Nunca mais. Por isso é chamada de depilação “definitiva”. Mas na verdade não é tão definitiva assim, pois ao final do tratamento acredita-se que são eliminados 80% dos pelos. Para cada região a ser depilada utiliza-se uma temperatura e um tempo de exposição diferentes, necessitando, geralmente de várias sessões para o efeito final. Por isso deve ser realizada apenas por profissionais habilitados. Geralmente são utilizados anestésicos na pele para amenizar o desconforto da dor e sensação de queimação. Como o laser “queima” a raiz do pelo, pode causar manchas escuras em peles muito sensíveis. É o método mais caro.

Agora você já conhece cada método. Escolha o melhor para você e lembre-se: o importante é se sentir bem.

Saúde!

quinta-feira, 30 de maio de 2013

Dá para diminuir o estado de ansiedade?

dá para diminuir o estado de ansiedade?


Claro que dá. Mas tem que querer de verdade. Mais ou menos como deixar de fumar. Vamos tentar?
Entenda: a ansiedade é normal em algumas situações do dia a dia como, por exemplo, começar um emprego ou um namoro, a expectativa de uma viagem muito planejada, o jogo do seu time na final do campeonato, a necessidade de fazer uma cirurgia, o nascimento de um filho, ou de um neto... enfim... a razão para a ansiedade pode ser uma coisa alegre ou triste.
O lado bom da ansiedade é nos preparar para enfrentar situações importantes. Porém, MUITAS pessoas ficam extremamente ansiosas. Por tudo e por nada. Em alguns casos, não relaxar nunca pode ser inclusive um transtorno de ansiedade. Nestas duas situações, a ansiedade atrapalha porque impede que tenhamos um comportamento mais tranquilo frente às dificuldades que, afinal, existem e são frequentes em nossa vida. Aí não é só a cabeça que não relaxa. O corpo sente também. O coração bate mais rápido, a respiração acelera, a pressão pode subir... e este estado de tensão constante pode levar a problemas sérios de saúde, como um infarto no coração, por exemplo. Por isso é importante ter auto-controle.
Se você está no grupo dos que são extremamente ansiosos, procure ajuda médica pois há remédios que podem ser indicados e que funcionam bastante. Terapia também pode ser uma opção. Lembre-se que o que serve para uma pessoa pode não servir para outra. Só o médico é que pode indicar o melhor tratamento para você.
Se você tem um nível alto de ansiedade e quer aprender a se controlar, aqui vai uma dica muito importante e eficaz:
Aprenda a relaxar a cabeça todos os dias. Tem que treinar. Isso mesmo! Aprender a relaxar a cabeça é um exercício. Ninguém faz uma meia maratona sem treinar o corpo para isso. Relaxar a cabeça exige treinamento e vontade. Cada um pode relaxar a cabeça do jeito que considerar mais gostoso. Dedique pelo menos meia hora do seu dia para isso. Primeiro por alguns minutos e depois vá aumentando, aumentando... até idealmente, chegar a uma hora.
Neste período, tente ficar sem olhar o celular! Relaxe e se concentre em coisas que te tranquilizem. Cada um decide o que mais traz paz de espírito. Aqui vão algumas sugestões: caminhe num parque, ao ar livre, ou até mesmo num shopping olhando as lojas e se imaginando com cada roupa que achar legal. Ande de bicicleta, assista na TV o que você mais gosta, arrume tempo para cochilar depois do almoço, ouça música, vá ao cabelereiro, enfim...  Experimente!! Comece devagar e gradualmente dedique apelo menos meia hora só para você. Só para você!
Não é impossível.
E quando aquele sentimento de ansiedade chegar, pense sempre: vai dar tudo certo!
Vamos tentar?

Tintura faz mal?.......E a chapinha, faz mal????

Tintura faz mal?

Para pintar o cabelo é preciso abrir a cutícula do fio. A substância química que faz isto é a amônia que abre as “escamas”  do fio para que a camada do meio, que é o córtex (onde fica a cor) seja atingida. Em sequencia, a água oxigenada penetra no córtex para descolorir a cor original.
Isto permite que a tinta entre no córtex e se torne a nova cor do cabelo. Depois que a tinta penetra, um novo produto é utilizado para fechar a cutícula. E pronto!! Tintura feita! Mas este processo pode ressecar os fios, tirando a maciez e o brilho. Para resolver isso, quem pinta o cabelo deve hidratar os fios a cada 15 dias. Com isso ficamos com os cabelos mais bonitos e saudáveis. Portanto, pode tingir mas não se esqueça de hidratar!
E a chapinha, faz mal?

A chapinha altera a estrutura do fio porque chega a uma temperatura muito alta (em torno de 180 graus). Submetido à prancha, o cabelo fica no formato desejado, liso (no caso da chapinha) ou encaracolado (no caso do babyliss).  O grande problema é que os fios podem ficar extremamente ressecados. Por isto é importante também mantê-los hidratados para que continuem macios e saudáveis.
Para os cabelos ficarem bonitos, sedosos e com brilho eles precisam de dois fatores essenciais: nutrição e hidratação. Coma saudável e beba água. Isto é bom para seu corpo e para seu cabelo. Quer mais informação sobre saúde? Acesse nosso aplicativo no alto da página e faça sua busca! Quem procura bem estar, acha!!!

Cortar sempre acelera o crescimento do cabelo?


cortar sempre acelera o crescimento do cabelo?
Não. Não adianta cortar o cabelo para fazê-lo crescer. Entenda: o cabelo cresce da raiz para fora. Cortar o cabelo apenas faz com que as pontas, que são a parte mais “velha” do fio, sejam retiradas. E isto não estimula o crescimento. No entanto, é importante cortar com freqüência, a ponta costuma ser a parte mais danificada e desgastada pelo tempo e por fatores como sol, chuva, vento, cloro, poluição ou produtos químicos.
Pense no cabelo como alguém que tem fome e sede! A falta de queratina que é a proteína que forma o cabelo, deixa os fios quebradiços e fracos.  Já a falta de água pode dar ponta dupla. Por isto é importante beber água e ter uma alimentação adequada e saudável, com proteínas e vitaminas. Isto garante a saúde, o crescimento e a beleza dos fios.

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Coqueluche é uma doença de crianças?

 coqueluche é uma doença de crianças?

Não. Coqueluche é uma doença que pode dar também em adultos. E muitos adultos, principalmente jovens, estão contraindo coqueluche nos dias de hoje. Por quê? Porque a vacina protege as pessoas principalmente nos primeiros dez anos de vida. Depois acredita-se que a proteção diminua um pouco. Por isso os adultos jovens estão mais propensos a pegar coqueluche.

É uma doença contagiosa?

Sim! Super contagiosa! Ela é transmitida por uma bactéria chamada Bordetella pertussis. Basta alguém tossir perto da gente que a bactéria “viaja” de carona em gotículas de saliva. Esta saliva penetra no nosso corpo e quem está suscetível pode ficar doente.

A tosse é o sinal mais característico. Uma tosse prolongada, que pode durar mais de três semanas e não melhora com nada. Por isso a coqueluche é também chamada de tosse comprida. O esforço para tossir é tão grande que às vezes a pessoa até inspira com dificuldade, fazendo um barulho conhecido como “guincho”.

A boa notícia é que tem tratamento e é bastante eficaz. Mas só o médico pode diagnosticar e orientar.

A vacina da coqueluche ainda é a melhor forma de prevenção e está contida na vacina tríplice, que também protege contra a difteria e o tétano.

Cuide da sua saúde, é o seu bem mais valioso!

Cabo frio minha linda terra !!!



segunda-feira, 27 de maio de 2013

Alecrim (rosmaninho) Rosmarinus officinalis L.

O seu óleo essencial é benéfico para o fígado e vesícula biliar
O ácido rosmarínico do alecrim oferece uma acção anti-alérgica. 



Mas esta não é a única propriedade desta planta que favorece o fluxo sanguíneo no coração (artérias coronárias), nas pernas e mãos (útil no caso de extremidades frias) e no cérebro, aumentando a memória e a concentração.

Para além disso, o alecrim melhora as insuficiências hepáticas e vesiculares que podem originar má digestão, enfartamento, cólicas e gases. Melhora a circulação, alivia as dores reumáticas nas articulações e estimula o crescimento do cabelo.

Muito usado como ornamental em jardins mediterrânicos. Além disso as suas folhas prestam-se a usos em perfumaria e em culinária (sobretudo para condimentar estufados). As flores são altamente melíferas.

Modos de propagação: Por semente: semear na primavera. A germinação pode ser lenta. Quando as plantas tiverem o tamanho suficiente para manejar, mude-as para vasos individuais e, se for necessário, proteja-as do frio no primeiro inverno. Plante-as nos locais definitivos na primavera. Por estaca: estacas semi-lenhificadas de 10-20cm com um nó, em junho / julho (bastante fácil, enraizam normalmente dentro de 3 semanas). Também com ramos verdes, no início da primavera, plantando-os depois no início do verão. Ainda por mergulhia, no verão.

domingo, 26 de maio de 2013

Simplesmente deliciosas.


Partilhem as nossas maravilhas!
Simplesmente deliciosas.

Desintoxicam e quase não engordam, são depurativas e diuréticas.
As cerejas ajudam a eliminar toxinas e líquidos, têm muito poucas calorias e contêm fibra, que sacia e combate a prisão de ventre.

Cruas são um lanche excelente, muito pobre em calorias. Também pode acrescentá-las a saladas de frutas e compotas, tartes, pastéis, empadas doces, mousses e sorvetes.

Experimente-as com iogurte natural, requeijão, como recheio de crepes ou com gelado.

O contraste de sabores vai surpreendê-lo se as servir com pratos de caça, porco e aves. 




Também são muito eficazes para combater a obesidade.

O que contêm...

Calorias: 60
Hidratos de carbono: 13,3 mg
Fibra: 1,6 mg
Vitamina A: 24 ?g
Vitamina C: 6 ?g
Potássio: 210 mg
Magnésio: 10 g
Cálcio: 14 mg

Valores por 100 g de cerejas

A arte do tomate seco ao sol.


A arte do tomate seco ao sol

As regiões mediterrânicas produzem enormes quantidades de tomate, mas apenas uma pequena parte das colheitas é destinada para secagem ao sol. A maior parte do tomate é enlatada para conserva ou utilizada na preparação de molhos. 

Na segunda quinzena de Abril, as plantas jovens de tomateiro seleccionadas são plantadas nos campos e um sistema de irrigação garante que cada planta jovem recebe a quantidade de água necessária.

Grupos de pessoas da região, mulheres na sua maioria, descem até aos campos e dão início à tarefa árdua de colher o tomate, apanhando as brilhantes jóias vermelhas escondidas entre a longa folhagem verde. Os exemplares mais belos, separados para a secagem ao sol, são lavados, cortados ao meio, colocados sobre grandes tabuleiros e expostos ao sol. Em seguida, são polvilhados com sal e cobertos com redes de protecção; ficam assim expostos ao sol durante quatro a cinco dias.

São necessários 10 quilos de tomate fresco para se obter apenas 700 a 800 gramas de tomate seco ao sol. 

Você sabia???

Quem gosta de amoras-silvestres???
Partilhem estas maravilhas!

Existem amoras de várias cores e de tipos diferentes.
Existem as amoras brancas, as amoras vermelhas e as amoras negras.

Rica em vitamina A e C, doce e pouco ácida, as amoras é conhecida por ter inúmeros benefícios para a nossa saúde.

Além destes benefícios, podemos ainda salientar o papel importante que a amora pode desempenhar no que diz respeito à prevenção de infecções urinárias. Neste caso, são utilizadas as flores da planta, as quais são extremamente diuréticas e facilitam a eliminação da urina permitindo assim o tratamento das vias urinárias.

Tem igualmente uma função bastante essencial na redução do risco de úlcera ou ainda de cancro do estômago. Ajuda também no controlo da glicose no sangue e proporciona também uma melhoria da visão.



quarta-feira, 22 de maio de 2013

Minha terra, Cabo frio como eu amo esta cidade !!





Blusas de tricô para o inverno 2013 !!







Bolo de leite de coco


Receia de bolo de leite de coco


  • Ingredientes:
  • 1 lata de leite condensado
  • A mesma medida da lata de leite integral
  • 1 vidro pequeno de leite de coco
  • A mesma medida da lata de farinha de trigo especial (ou comum)
  • 1/2 medida da lata de açúcar
  • 3 ovos grandes inteiros
  • 3 colheres de sopa de margarina
  • Não vai fermento
Modo de Preparo:
Bata todos os ingredientes no liquidificador. Coloque em uma forma untada e enfarinhada.
Leve ao forno médio pré-aquecido à 200° graus por aproximadamente 40 minutos. (faça o teste do palito antes de retirar do forno: fure o bolo com um palito e se sair sequinho está pronto).
Deixe esfriar um pouco de desenforme. A consistência não é de um bolo comum, este bolo fica mais molhe, tipo uma queijada.

terça-feira, 21 de maio de 2013

lICHIA UMA FRUTA DIFERENTE !!

Que tal incluir, em seu café da manhã, uma fruta diferente? A lichia é rica em vitamina C, que aumenta a resistência às infecções, auxilia na cicatrização de feridas e aumenta a absorção do ferro pelo intestino.

segunda-feira, 20 de maio de 2013

O que é bulimia???/






A bulimia é um distúrbio alimentar que se caracteriza pelo seguinte: as pessoas tem fome, querem comer e comem. Comem bem e bastante tudo o que queriam comer. Só que logo depois elas se sentem mal por isso e tem muita vontade de colocar tudo para fora. Vão ao banheiro e provocam o vômito. Por isso, estas pessoas vão ficando anormalmente magras.



Qual a diferença entre anorexia e bulimia? Seguinte: na anorexia as pessoas não querem comer. Na bulimia as pessoas comem e provocam o vômito. Algumas pessoas tem anorexia e bulimia associadamente. Estes dois distúrbios são muito preocupantes. Se você conhecer alguém com estes distúrbios, procure ajudar. O melhor jeito de ajudar é conversar e sugerir que esta pessoa procure tratamento médico. E tudo pode se resolver.

Saiba como evitar a trombose.



 Como evitar a trombose:

1. Mexa-se a cada duas horas. Levante-se, ande um pouco pela casa, aproveite para fazer alguma coisa produtiva em outro cômodo. Se você estiver no trabalho, sentado, movimente-se também. Levante-se para tomar um copo de água, vá ao banheiro, suba um ou mais lances de escadas...enfim... arrume algum bom motivo para se movimentar!

2. Use meias elásticas. Principalmente se você tem varizes nas pernas. As meias devem promover a compressão e são como uma “terapia” para as pernas. Mas para que elas funcionem, o comprimento e a compressão devem ser exatos. As meias devem ser até os joelhos, não podem ser muito curtas nem apertadas porque senão o efeito é oposto, e a meia vira “um garrote” que atrapalha a circulação.

3. Vai viajar mais de 2 horas? Nunca fique sentado sem se mexer. Se você estiver no carro, procure parar a cada 2 horas e andar um pouco. No ônibus ou no avião, estique as pernas , mexa os pés. Se for possível, fique em pé. Na sequência, fique na ponta dos pés. Sinta sua “batata” da perna funcionar. Repita esse movimento algumas vezes. Alongue-se sempre que possível!

Ande, caminhe, dance, alongue-se...mexa-se! Assim como o sangue, nós também precisamos “circular” para ter saúde!

domingo, 19 de maio de 2013

Há um limite para o consumo de adoçantes?




Os adoçantes, também chamados de edulcorantes, são utilizados por muita gente para adoçar o cafezinho, o chá ou o suco, por exemplo. Podem também estar embutidos em muitos produtos industrializados diet como refrigerantes, gelatinas ou geleias que consumimos no dia a dia.

Por isso muitas pessoas tem dúvidas sobre a quantidade máxima diária que é seguro consumir.

Vamos entender: há vários tipos de adoçante. Muitos são sintéticos, produzidos em laboratório, como, por exemplo, a sacarina, a sucralose, a estévia, o ciclamato, o aspartame e o acessulfame-K. Estes adoçantes tem a capacidade de adoçar muito mais do que a sacarose, que é o açúcar branquinho que conhecemos tão bem. Para se ter uma idéia, o aspartame, que é um dos mais utilizados, adoça 200 vezes mais que o açúcar. A sacarina pode adoçar até 400 vezes mais. Por isso a quantidade de adoçante que utilizamos no cafezinho é muito menor que a quantidade de açúcar.

Cada tipo de adoçante tem uma dose máxima por dia. Para o aspartame a dose máxima recomendada é de 40mg por kg de peso corpóreo. Isso quer dizer que uma pessoa de 60 kg pode consumir no máximo 2400 mg. A sucralose e o acessulfame-K tem a mesma dose máxima, que é de 15 mg por kg. A estevia e a sacarina só podem ser consumidas até 5 mg por kg de peso e o ciclamato até 11 mg para cada kg de peso da pessoa.
Muitos produtos tem mais de um tipo de adoçante, justamente para que fique difícil atingirmos a dose máxima recomendada.

Então, para saber se vc atingiu a dose máxima, faça as contas. Veja quanto você pode consumir, de acordo com o seu peso, e veja quantos mg tem em cada pacotinho ou em cada produto. Parece complicado, mas é muito fácil.
Saber de tudo é sempre o melhor caminho para uma vida com saúde!

O que fazer em casos de cólica?





Todos já tivemos algum tipo de cólica. Cólica renal, menstrual, intestinal ou de vesícula são bem conhecidas. E todas doem muito. A cólica renal, por exemplo, é comparada à dor de parto, tal sua intensidade. Mas afinal, o que é a cólica?

Entenda: alguns dos nossos órgãos são "ocos", ou seja, possuem uma cavidade interna. Por exemplo: o útero, o intestino, a vesícula biliar e as vias urinárias. Quando este órgão quer "expulsar" um conteúdo indesejável, ele contrái. Esta contração é a cólica.

Isto acontece tanto para eliminar alguma coisa estragada que comemos quanto para um cálculo. A sequência é a mesma: contração de expulsão, cólica e dor. No intestino acontece assim: cólica ou “dor de barriga” e diarreia.

A dor é consequência da contração. As terminações nervosas nestes órgãos nos avisam que algo não está bem. Por isso, a dor, é um sinal importante de que precisamos parar a rotina. Focar no que está precisando de repouso para que o corpo possa reagir e nos defender do que nos está fazendo mal.

Há tratamento para cólica?

Bolsa de água quente na área dolorida pode amenizar porque o calor relaxa as fibras contraídas. Mas a cólica só passa realmente quando o organismo consegue se livrar do que precisa expulsar. A menstruação acaba, os organismos que provocaram a diarreia foram combatidos, os cálculos foram expulsos ou retirados cirurgicamente. Enquanto isso não acontece, para suportar a dor, que pode ser muito intensa, estão indicados analgésicos. Mas só o médico é que pode prescrever, pois a intensidade ou a região da dor é que determinam o melhor analgésico para cada um. E só o médico é que pode saber qual é.

Dor é sempre um sinal de alerta! Respeite estes sinais que o organismo nos dá. Fique atento e cuide-se sempre. Saúde